• Juan Carlos Bondi

Por que não ganhamos a copa do mundo? A resposta você encontra em Jujuy

A seleção tem uma maldição por uma promessa que não foi cumprida? Segundo contam os habitantes de Tilcara, Jujuy, a equipe de Bilardo fez uma promessa à Virgem local para vencer a copa do mundo em 1986.


Descubra a verdade em Tilcara, Jujuy! Aproveite e fique para explorar todos os cantos desta bela província.


A Argentina é um país em que cabalas e superstições têm quase a força de lei entre os fãs de futebol. Entre elas está o mito da "maldição da Virgem", uma história que ganha força antes de cada Copa do Mundo da equipe agora liderada por "a pulga" Lionel Messi.


Segundo conta a lenda popular, o grupo de 14 jogadores liderados por Carlos Bilardo que integrou a seleção campeã mundial no México, em 1986, jogou uma partida de exibição na cidade de Tilcara, no norte do país, onde, de acordo com a superstição argentina, há 32 anos começou a maldição que impede que os jogadores conquistem outro título.



Tudo aconteceu quando o grupo ficou hospedado em Tilcara entre os dias 5 e 15 de janeiro de 1986. O principal objetivo do treinador era treinar a equipe nas alturas e no clima quente, já que o próximo jogo seria disputado no México.


Logo que chegaram à cidade, Bilardo descartou as duas ofertas oficiais para se hospedarem nos clubes Terry e Belgrano; pelo que se aceitou a proposta de treinar em um clube humilde e novo da zona, o Pueblo Nuevo.


Como todas as cidades do interior, Tilcara tem sua igreja tradicional chamada Señora del Rosario. Lá está a Virgem de Copacabana del Abra, de Punta Corral, conhecida como "Mamita del cerro", a quem todos os seus seguidores fazem promessas em troca de uma nova visita. A seleção também fez uma promessa; eles pediram, mas nunca voltaram.


Segundo relata o mito, Bilardo e os jogadores prometeram à Virgem que, se conseguissem o título no México, retornariam para agradecê-la, algo que não aconteceu.


A passagem dos anos sem títulos aumentou o mito da "maldição da Virgem". Desde 1993, a Argentina participou de sete finais em que foi derrotada: as Copas Américas do Peru 2004, Venezuela 2007 e Chile 2005: a Copa do Mundo do Brasil de 2014, a Copa das Confederações na Arábia Saudita de 1995 e na Alemanha em 2005; e a Copa América do Centenário nos Estados Unidos.


A equipe conquistou vários títulos após a Copa do Mundo de 1986: as s Américas do Chile de 1991 e do Equador de 1993 e das Confederações de 1992. No entanto, o mito persiste.

Nos Andes, a Virgem de Copacabana é a única invocação da Virgem Maria que leva o nome de um antigo ídolo pré-hispânico. María “substitui” o ídolo Copacabana, apoderando-se do seu nome, algo incomum, pois não há no cristianismo uma imagem da Virgem que tenha o nome do ídolo que foi adorado nessa área.


Em muitas ocasiões Bilardo e os jogadores negaram a promessa, dizendo que nunca haviam prometido nada. No entanto, os moradores de Tilcara insistem e garantem que o time de 86 foi campeão do mundo graças a esse pedido e, como ninguém voltou para agradecer a ela, a má sorte continuará na seleção por vários anos. A questão é...até quando?


Verdade ou mito? O que você acha? Voe e descubra todos os segredos escondidos pela misteriosa e bela Jujuy.


© 2019  FLYBONDI - LA LIBERTAD DE VOLAR