top of page
  • Foto do escritorJuan Carlos Bondi

Ying Yang Salteño



Andes e yungas: tudo isso acontece no norte de Salta e, embora pareça impossível entender que na mesma área temos duas paisagens e climas tão diferentes, não é! Como é bom desfrutar em contraste: é, para mim, uma das formas mais impressionantes de apreciar a natureza.


De um lado, uma exuberante floresta montanhosa atravessada por caudalosos rios e povoada por animais nativos e, do outro, pequenas cidades que parecem penduradas nas montanhas, com sua arquitetura pré-colombiana e ruas estreitas e íngremes.


O Parque Nacional Baritú protege a fauna e a flora da selva de Salta e abriga mamíferos como a onça-pintada, em perigo de extinção. Os habitantes mantêm e cultivam seus costumes ancestrais, sempre alimentados pela natureza.


E na região andina, em Iruya, Nazareno ou San Victoria Oeste, o ritmo de vida responde a antigos códigos de convivência, autenticidade e tranquilidade. Os visitantes podem sentir a paz e o silêncio das colinas guardiãs.


Nas Yungas são realizados safáris fotográficos, observação de aves, turismo cultural, experiências de aventura, caiaque, canoagem e rafting.


Nas cidades de San Ramón de la Nueva Orán, Tartagal, Los Toldos, entre outras, você pode visitar comunidades, descobrir artesanato, visitar reservas, sempre com a natureza como mestre da orquestra.


Comments


bottom of page